Soufflé de marisco

_

Fora com 2013 e que entre 2014!

A noite de 31 de Dezembro para 1 de Janeiro, ano após ano, traz a sensação de renovação eminente, um misto de excitação e um sem-número de possibilidades. É como se, todos os anos, naquela noite, tivéssemos um “começar de novo”, em que podemos mudar tudo e transformar-nos. Nós gostamos de pensar que assim é e preparamo-nos a rigor para a passagem de ano. Este ano, para embelezar a nossa mesa e agradar a nossa barriga, vamos ter um soufflé de marisco que achamos que também vai gostar.

Um óptimo 2014 cheio de desejos concretizados. Até para o ano!

Tempo: 1/3

Custo: 2/3

Dificuldade: 2/3

Classificação (0 votos)

Preparação

Ligue o forno a 180° C. Unte, com margarina, uma forma de soufflé ou assadeira. Prepare o puré bem espesso, metendo um pouco menos de leite do que o recomendado na embalagem. Reserve.

Num tacho, aqueça o azeite e refogue com a farinha. Adicione, aos poucos, o leite e o caldo de marisco, mexendo sempre, para não fazer grumos. Junte o alho e salsa, as 5 pimentas e o sal. Junte os camarões e cozinhe em lume brando, durante mais ou menos 5 minutos.

Retire do lume e adicione as gemas de ovo. Forre o recipiente de ir ao forno com o puré. Bata as claras em castelo e envolva-as, com cuidado, no preparado de marisco. Rectifique os temperos. Verta sobre o puré e leve ao forno até dourar.

 

Sugestão: polvilhe com queijo parmesão antes de ir ao forno.

Boa viagem, Espiga
_

Curiosidades sobre a última noite do ano

Em Portugal, à semelhança de outros países, as comemorações da passagem de ano incluem pequenos rituais que servem para reforçar o simbolismo do recomeço: acender fogueiras nos largos de vilas e aldeias, queimando trastes; produzir muito barulho (com, por exemplo, tachos, cornetas e foguetes) para afastar o ano velho e os seus maus espíritos, entre outros.

Notas e Memórias

0 comentários