Empada espinafres e requeijão

_

Espinafres: saudáveis, deliciosos e vão bem com tudo!

No «Viagens à Mesa» os espinafres são uma constante. Eles aparecem nas sopas, abundam nos esparregados e brilham nas tartes e empadas salgadas.

Esta semana, e porque temos saudades de comer empada, fizemos esta receita que, nos sai sempre muito bem. Para comer em casa, levar para o almoço da semana ou servir em festas, esta receita é um sucesso.

Com a massa, decore e faça-lhe uns desenhos engraçados. Vai ver que até vai “enganar” as crianças e fazê-las comer os espinafres com gosto!

Esperamos que goste. Até para a semana.

Tempo: 2/3

Custo: 2/3

Dificuldade: 2/3

Classificação (0 votos)

Preparação

Para a massa, envolva a farinha com o azeite. Junte um ovo e uma pitada de sal, e amasse, adicionando a água aos poucos, até obter uma massa maleável e bem ligada. Cubra com um pano e reserve.

Entretanto, para o recheio, escolha e lave as folhas de espinafres. Escalde, em água fervente temperada com sal, por 2 minutos. Escorra e reserve. Refogue a cebola e os alhos picados no azeite. Junte os espinafres e envolva. Regue com as natas e deixe ferver até obter um preparado cremoso. Tempere com sal, pimenta branca e noz-moscada. Retire do calor e envolva o requeijão e os ovos batidos.

Tenda metade da massa e forre com ela uma tarteira de com 25 cm de diâmetro, previamente untada com spray para untar. Recheie com o preparado anterior. Pincele a massa em volta com parte da gema de um ovo batida e cubra com a restante massa tendida. Apare as extremidades e, com as sobras, corte motivos decorativos. Disponha sobre a tarte e pincele a superfície com a gema de ovo que sobrou. Leve ao forno a 190°C. Retire depois de cozida e sirva.

 

Sugestão: em vez de requeijão, também pode utilizar queijo ricotta.

Boa viagem, Espiga
_

Mais sobre os espinafres

Prefira as folhas mais novas para consumir cruas, em salada. Os temperos aconselhados são o limão e a cebola. Crus, os espinafres são uma excelente fonte de betacaroteno, ricos em ácido fólico e vitamina C.

Notas e Memórias

0 comentários